Tempo de Paz na Cidade? Onde?

Category : Artigos

É impossível, estando de frente para as informações da sociedade em seu dia-a-dia, não perceber a notícia absurda do assassinato da Vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ).

Independentemente das razões da morte, que são objeto de investigação neste momento, a questão é emblemática porque representa uma realidade factual em todo o Brasil. Uma realidade que põe bem no meio da tela a pauta: violência no Brasil.

Recentemente, em face a um assassinato cometido contra um rapaz que não estava fazendo absolutamente nada contra a sociedade, ela declarou:

“Outro homicídio de um jovem que pode entrar na conta da polícia. Matheus Melo estava saindo da igreja. Quantos jovens precisarão morrer para que essa guerra aos pobres acabe”, questionou Marielle.

A verdade é que no Rio de Janeiro, meu Estado Natal, minha Cidade de origem, o próprio Diabo estabeleceu residência e passeia nas ruas, matando geral.

O Jornal “O Globo” registrou:

RIO – O Rio viveu em 2017 uma sucessão de números ruins na área de Segurança. Como mostrou O GLOBO, o estado teve 40 mortes violentas para cada 100 mil habitantes no ano passado, o maior número desde 2009. Segundo dados do Instituto de Segurança Pública (ISP), este não foi o único indicador negativo acumulado ao longo do período. Os principais tipos de roubos — carga, veículos, celulares e em coletivos — tiveram altas históricas, aumentando a insegurança da população.

Em 2010, foram registrados 120.300 roubos no estado. Este número chegou a atingir patamares mais baixos em 2011 e 2012, mas, desde então, ficou acima de 2010. Em 2017, porém, atingiu seu auge, quando foram registrados 230.450 roubos, alta de 91,5% em relação ao contabilizado há sete anos[1].

O diagnóstico exato desta realidade já é conhecido pela Divisão de Homicídios da Polícia Civil do Rio de Janeiro e que é a mesma em toda parte da Nação:

“Em um ano, na capital do Rio de Janeiro, nós temos 1.300 homicídios para serem apurados por 200 policiais. Eles têm 100 casos para 500 policiais”, afirma o delegado Rivaldo Barbosa, diretor da Divisão de Homicídios do RJ. “Nós temos a capacitação, temos pessoas especializadas. A gente precisava de mais pessoas dentro da Polícia Civil para poder dar uma resposta.”

Os policiais cariocas foram até a capital do Reino Unido e trouxeram representantes para conhecer a realidade do Rio. Segundo o delegado, a disparidade dos números tem efeito direto sobre o trabalho de investigação policial. Enquanto o índice de resolução de casos fica em torno de 90% no Reino Unido, na DH do RJ é de cerca de 30%. Já a média brasileira de resolução no Brasil é estimada em apenas 5%.

Londres tem população de 8,7 milhões de habitantes, maior que a carioca, de 6,3 milhões de pessoas. Mas não tem territórios dominados pelo crime organizado e nem uso de fuzis e armamentos pesados pelos criminosos. Os próprio policiais não andam armados – o porte só é autorizado para equipes especializadas.

Estudos internos feitos pela DH mostram que, quanto menor o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e menor expectativa de vida, maior é a taxa de homicídios. Isso porque o crime organizado acaba ocupando o espaço do estado e provocando disputas territoriais.

“Não é que as pessoas nesses lugares sejam violentas. Pelo contrário. Essas pessoas sofrem duas vezes. Pela falta de serviços públicos e pela violência”, afirma Barbosa.[2]

A realidade se impõe em todo território nacional!

Nenhuma vida é desprezível, todas as pessoas merecem dignidade – com uma exceção, direi eu: daqueles que andam soltos pela face da Terra matando trabalhadores, matando cidadãos, matando sonhos, por motivo torpe, vil, imundo, banal.

E é este o cerne da questão!

O Brasil tem que ter “pena de morte”, tem que ter “prisão perpétua” – porque não é admissível que simplesmente matem uma promotora de direitos humanos e quem fez isto tenha direito de comer, beber, ir, vir, fazer filhos, participar de muitos momentos felizes neste mundo, sem que a sociedade lhe dê uma paga justa e à altura de sua maldade e perversidade.

Simples assim!

Muitos ideólogos do “cristianismo hipócrita” se posicionam contra esta ideia que não é minha de modo isolado, mas abraçada por milhões de brasileiros, especialmente aqueles que tiveram pessoas de seu sangue extintos por esta barbárie que está à solta.

E digo “cristianismo hipócrita” porque é a “não pena de morte ou prisão perpétua” é defendida por um pessoal que tem uma baita cara-de-pau de não ser cristão porcaria nenhuma e posar de paladinos de “direitos dos bandidos” e não de “direitos humanos”! Especialmente dos “humanos direitos” – que cumprem e vivem pela Lei.

Isto definido, em minha apreciação, não adianta nada lastimar a morte da Vereadora, não adianta nada chorar a morte de ninguém, a violência se reúne como uma espécie de “política de Estado velada” – sim, parece absurdo, mas não é! O Estado Brasileiro em sua totalidade, com o modelo atual de gestão de tudo e de todas as coisas é uma vergonha tão ampla que gera esta condição holística.

Se pensarmos, por exemplo, nos roubos praticados por políticos e gente envolvida nas investigações da Lava-Jato que é o Petrolão, do BNDES, Desvios de dinheiro dos Fundos de Pensão, a roubalheira da Previdência Social – INSS, o esquema dos Vampiros da Saúde, Operação Zelotes, o rolo de mais de 30 bilhões ne escândalo do Banestado, enfim, dá para encher umas 3 folhas só com nome de investigações.

Todo este derrame de dinheiro é uma enorme Operação Lesa-Pátria e, a chave de tudo isto é a impunidade descarada! Por exemplo, descobre-se que um maldito político roubou num esquema de 1 bilhão de reais da saúde pública e ele não tem pena de morte? É justo que milhares de mulheres chorem seus filhos mortos por causa da ação deste “genocida”, mas ele deve ser preservado em nome “dos direitos humanos”?

É por isto que digo que há um esquema de extermínio de pobres e figuras como Marielle Franco são “nuvens passageiras”. São a maior zoada hoje, mas será abafada pela Copa do Mundo que está vindo por aí e em seguida, as eleições majoritárias.

É esta a realidade!

Ou alguém pode mostrar alguma mudança em qualquer aspecto por causa da morte de Chico Mendes lá na Amazônia?

Em nosso País, um sujeito pode lesar a pátria na maior cara-de-pau e fica por isto mesmo!

Os dados são claros:

Considerando dados da Secretaria de Segurança Pública, em 2015, foram mortos violentamente e intencionalmente 58.383 brasileiros.

Em comparação com 2014 (59.086), o número de assassinatos tinha diminuído 1,2%.

São 155 assassinatos por dia, o que equivalente a seis mortes por hora em cada estado, e as características das mortes se repetem: ligada ao tráfico de drogas e tendo como vítimas jovens negros pobres da periferia executados com armas de fogo.

Em julho, Pernambuco chegou a 3.323 homicídios. O número é superior ao registrado ao longo de todo o ano em 2012 (3.321) e em 2013 (3.100).

No primeiro semestre de 2017, o Brasil teve 1,7 mil homicídios a mais do que no mesmo período em 2016 – 913 foram em Pernambuco.[3]

É esta a realidade exata do Brasil, o resto é só conversa fiada e muito “mimimi” em torno de um monte de besteiras!

E digo isto com esta agressividade porque tem um monte de gente falando muita idiotice sem nem sequer ter lido os dados oficiais disponibilizados pelo IPEA neste link público:

http://ipea.gov.br/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=30253

Observem cuidadosamente na mídia nacional, dos 24 ministros do atual Presidente após a fase de desgovernança petista, 15 são objeto de investigação por corrupção!

Isto é uma aberração sem precedentes na História de qualquer Nação Civilizada!

Isto é coisa de esquema de lesa-pátria!

Qual a punição desta gente? Misericórdia!

Qual a punição dos pobretões, lascados, ferrados e analfabetos da base social? Fome, falta de saneamento básico, comida ruim, roupas velhas, VIOLÊNCIA e por aí afora, todas as pragas listadas no Apocalipse, em Mateus 24, e todas as demais desgraças imagináveis!

O Governo tem que implantar a pena de morte ou a prisão perpétua, ou os dois – isto causará terror e pânico entre todos os vagabundos que devem ser extirpados da vida, eliminados do mundo, porque se ficarem soltos vão matar nossos filhos e netos e, seguros da proteção do Estado preservarão a política de Estado em que roubar compensa, haja vista que os sujeitos deixam dinheiro e legado para os familiares às custas da miséria de milhões de pagadores de impostos.

Se não é assim, que alguém me rebata e mostre que é diferente, onde e como!

Seja como for, a realidade se impõe pela Palavra de Deus com uma fortíssima sentença que vem por aí em breve:

A Terra, porém, estava corrompida diante da face de Deus; e encheu-se a Terra de violência. … então disse Deus a Noé: o fim de toda a carne é vindo perante a minha face; porque a terra está cheia de violência ; e eis que os desfarei com a Terra. (Gênesis 6:11,13).

Já que o Governo não faz nada e insiste em manter um modelo legislativo e judicativo incompetente, resta-nos pedir que Deus nos honre restabelecendo este critério que ele usou no passado!

___________________________________________

[1] https://oglobo.globo.com/rio/indices-de-violencia-sobem-no-estado-do-rio-22407369#ixzz59uPua5UE

[2] https://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/monitor-da-violencia-rio-tem-quase-10-vezes-mais-homicidios-que-londres-mas-metade-dos-policiais-para-investigar.ghtml

[3] http://www.nocaute.blog.br/brasil/numero-de-assassinatos-no-brasil-volta-crescer-em-2017.html


Leave a Reply

Pesquise no Site

Meu Consultório de Naturologia

“Sob circunstâncias especiais atendemos consultas na área de Naturologia Clínica. Atualmente minha agenda tem sido dividida com as outras áreas que divulgo no Site. Mas clique na foto e veja se posso lhe ajudar.”

Curso de Formação de Terapeutas Naturistas

“Você gostaria de ser um Terapeuta Naturista? Ou tem interesse em cuidar melhor de sua saúde para ter maior qualidade de vida? Conheça nosso Curso de Naturologia Clínica 100% Online ou as Unidades Presenciais onde Atuamos ligados a uma Faculdade. CLIQUE NA FOTO.” CLIQUE NA FOTO

Inclusão Educacional Superior!

“Conheça nosso Site sobre Inclusão Educacional Superior. Uma iniciativa para a justa promoção da dignidade da educação superior.” CLIQUE NA FOTO

Minhas Percepções Espirituais!

“Em minha carreira pessoal (não profissional) a conexão com o mundo teológico cristão sempre foi muito forte. Meu relacionamento com Cristo é desde os 13 anos. Neste espaço, exponho entendimentos, crenças e compromissos espirituais.” CLIQUE NA FOTO

Minha Posição Política!

“Sou um Liberal-Democrata. Isto significa que entendo o Mundo objetivamente como um lugar onde quatro palavras devem ser prioridade: liberdade, igualdade, inovação (científica / tecnológica) e empreendedorismo. Não acredito em nada além disto para o cenário político construtivo. Clique na foto.”

Vídeos